Home » Notícias » Saiba qual o melhor momento do seu filho ter o próprio celular

Saiba qual o melhor momento do seu filho ter o próprio celular

A geração Y, também conhecida como a geração milênio, já nasceu totalmente inserida na internet e aprende desde muito cedo a utilizar de tecnologias no seu dia a dia. Mas em combate com esse crescente uso da internet e da tecnologia, existe a problemática dos perigos da internet e da dependência desses aparelhos.

Como os pais podem saber o melhor momento das crianças terem seu próprio celular, sem que isso represente uma atividade prejudicial? Entenda tudo a seguir:

Desde que as tecnologias se tornaram essenciais em nossas vidas, pais e especialistas do estudo comportamental debatem sobre o momento ideal para que os pequenos tenham seu próprio aparelho celular. Bem, é importante iniciar esse assunto, evidenciando que ter o próprio aparelho, é diferente de ter acesso a tecnologia.

Diariamente, o seu filho estará exposto a diversos aparelhos tecnológicos e que serão interpretados de forma bastante positiva, como é o caso da televisão. A questão é que com o celular pessoa, a criança ganha maior autonomia e estará mais exposta a diversos tipos de perigo.

Então qual seria a medida ideal?

Tanto para o uso diário das tecnologias como para o caso de presentear os pequenos com o próprio celular, é preciso que os país entendam alguns pontos importantes!

Diálogo

Não há forma mais simples de saber como o seu filho está utilizando o celular, a internet e as mídias sociais que estando nelas e dialogando sobre. Em primeiro lugar, é necessário falar de forma clara sobre os perigos da rede e sobre o que pode vir a ser um mau uso do celular.

Monitoramento 

Monitorar o uso do celular de perto também é uma medida que deve ser adotada pelos pais durante a infância até a adolescência.

Você pode dar espaço para a criança, mas é preciso fiscalizar o uso do aparelho e impor limites que devem ser respeitados e levados a sério.

E quando deixar a criança ter seu próprio celular?

De acordo com a opinião de especialistas da área, o mais recomendado é que as crianças tenham seu próprio celular a partir dos 9 anos de idade. Mas é interessante manter em mente os cuidados necessário e sempre se mostrar presente na vida virtual da criança.

Ter um aparelho celular deve ser encarado com responsabilidade e os pais precisam dar exemplo com o uso do aparelho. Isto quer dizer estabelecer limites para toda família e usar a rede de maneira consciente.